Tudo Sobre o Uso do Óleo de Rícino no Cabelo

Óleo de Rícino

Você provavelmente já ouviu falar sobre o óleo de rícino, afinal ele é facilmente achado para venda e conhecido por ser usado como laxante. Mas você sabia que ele possui excelentes benefícios para o nosso cabelo?

No post de hoje vamos ter um aulão e aprender tudo e mais um pouco sobre o óleo de rícino.

O que é o Óleo de Rícino

O óleo de rícino, ou óleo de mamona, é extraído da semente da planta mamona, que possui o nome científico ricinus communis, por isso o nome do óleo. A semente dessa planta é praticamente 50% óleo.

Mamona
Via: Medium

Possui uma textura espessa, cheiro bem forte e coloração translúcida levemente esverdeada.

Óleo de Rícino
Via: Vix

Ele é usado como laxante, pois possui uma digestão muito difícil, o que ocasiona diarreias e vômitos.

Pode ser encontrado facilmente em farmácias, drogarias, mercados e lojas de cosméticos.

Óleo de Rícino

Importante!

Nem tudo que reluz, é ouro! O óleo de rícino puro, que é usado como laxante, é um óleo 100% vegetal, prensado a frio, o que vai garantir todos os seus nutrientes. Já alguns que são direcionados para uso nos cabelos, possuem na sua composição óleo mineral, o que o faz perder parte de seus nutrientes e não possuir um resultado tão satisfatório. Fique atenta ao adquirir o óleo de rícino, leia a composição e garanta que nela não haverá petrolatos e seus derivados.

Não sabe o que é petrolato? Clica aqui!

Benefícios para os Cabelos

Por ser riquíssimo em ácidos graxos, sais minerais e vitamina E, o óleo de rícino auxilia profundamente no crescimento dos cabelos. Além disso, possui alto valor nutritivo, capaz de devolver lipídeos para os fios, trazendo maciez, alinhamento, redução de volume, brilho e o fim do ressecamento.

Como Usar

Você pode aplica-lo diretamente no couro cabeludo, massageando e deixar agir por no mínimo 1 hora ou acrescentar uma colher do óleo há alguma máscara capilar.

Ele pode ser usado até todos os dias.

Eu uso na noite anterior ao dia que vou lavar meu cabelo, aplico no couro cabeludo como ensinei acima, e durmo com ele para retirar no dia seguinte.

Muitas pessoas também o usam nas sobrancelhas e cílios, para acelerar o crescimento deles.

Precauções

A semente de onde o óleo de rícino é extraído, possui uma toxina chamada ricina, que é letal. Porém, durante a fabricação do óleo, é retirada cuidadosamente qualquer vestígio dela, e essa toxina não é solúvel ao óleo.

Como a mamona é uma planta facilmente encontrada, o cuidado que devemos tomar, é de não tentar fabricar o óleo em casa e apenas já compra-lo pronto.

Há pessoas que dizem que o óleo de rícino é abortivo e que altera os ciclos menstruais. Procurei estudos científicos e matérias sobre mas não achei nada. Eu uso há muito tempo e nunca tive problemas com meu ciclo, mas pelo sim ou pelo não, caso você seja gestante ou lactante NÃO FAÇA USO DO ÓLEO DE RÍCINO!

Vocês já conheciam o óleo? Qual o óleo preferido de vocês?

Beijos!

Não deixe de conferir também:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.